Tratamento a laser para "micose de unha"

A micose de unha ou onicomicose (nome científico) se manifesta de diferentes formas: unhas esbranquiçadas, esfareladas, amareladas, escurecidas ou até descoladas da sua base. Mas independente da forma como aparece é um problema extremamente incômodo: pelo lado estético, impedindo muitas mulheres de colocarem sandálias, pelo risco de transmissão impedem o uso de piscinas coletivas (em clubes, ou academias, por exemplo) e até por riscos para a saúde como em pessoas diabéticas cuja micose serve de porta de entrada para uma infecção da perna.

O tratamento até alguns anos só consistia no uso de medicamentos orais e esmaltes entretanto, há cerca de 3 anos, ganhou um grande aliado: O LASER. Aparelho já muito usado para tratar as rugas, manchas, tatuagens entre outras indicações, o laser ajuda muito tratamento da micose de unha.

Como muitos pacientes não querem fazer uso da medicação oral por não poder ingerir bebidas alcoólicas, por fazerem uso de outras medicações (as quais não podem ser usadas em conjunto) ou até pelo risco para fígado e rins, acaba-se optando pelo laser sozinho ou combinado com outro tratamento. O laser costuma dar um resultado bem mais rápido.

O mecanismo de ação do laser consiste em aumentar a temperatura local, provocar morte do fungo e melhorar a circulação, provocando aumento da vascularização e recuperação mais rápida da unha doente.

O resultado do tratamento a laser para micoses de unha já vem sendo objeto de estudo e de diversos artigos publicados inclusive com boa resposta para pacientes com unhas frágeis mesmo com ausência de fungo, ajudando na recuperação dessa unha.

O número de sessões varia de paciente para paciente e as sessões devem ser feitas a cada 15 dias ou 1x ao mês até resolução completa do problema.